CULTURA, ARTES E ESPETÁCULOS

                                 TEATRO



Nathália Dill e Vilma Mello são “FULANINHA E DONA COISA”, uma comédia escrita por Noemi Marinho. Rafael Canedo é um técnico de telefonia que se envolve com a empregada.
Humor, carência, solidão, diferenças de origem, no relacionamento entre duas pessoas. Direção de Daniel Herz.
Teatro Renaissence–Alameda Santos, 2.233- Sábado, 19h. domingo, 20h. Até 29/10.



Da infância humilde em Taubaté, ao posto de rainha da televisão brasileira. Hebe Camargo ganha, merecidamente, uma homenagem neste musical, baseado na biografia escrita por Arthur Xexéo.
“HEBE-O MUSICAL”, tem mais de 21 atores em cena e conta a escalada profissional e os amores que passaram por sua vida. 
Carol Costa é Hebe, criança e adolescente. Débora Reis vive a estrela na fase adulta e maturidade. 
O espetáculo tem direção de Miguel Falabella.
Teatro Procópio Ferreira – Rua Augusta, 2.823. Quinta e sexta, 21h; sábado, 17h e 21h; domingo, 18h. Até 17/12.




Tendo como cenário uma pequena cidade inglesa, a peça “Se Existe Eu Ainda Não Encontrei”, mostra uma família que se esconde atrás de planos profissionais para fugir do diálogo e dos problemas que não consegue resolver. A falta de comunicação é mostrada de forma humorada e emocionante.
O texto é do britânico Nick Payne, com tradução de Fred Kling. O elenco tem Helena Ranaldi, Leopoldo Pacheco, Luciano Gatti e Liv Zieze. Direção de Daniel Alvim.
Teatro Eva Herz. Avenida Paulista, 2.072. Sábados 21h; domingos, 19h. Até 10/12.



Dividida em cinco quadros independentes, a partir de 1941, está em cartaz “A Estrada de Wolokolamsk”, do livro homônimo do russo Alexander Bek, adaptada para o teatro pelo alemão Heiner Müller. 
O texto aborda acontecimentos ao longo de décadas até chegar ao fim do regime soviético na Alemanha Oriental. 
Esther Góes e Ariel Borghi são os protagonistas e também dirigem o espetáculo.
Teatro Cacilda Becker-Rua Tito, 295. Sexta e sábado, 21h; domingo, 19h. Até 29/10.    



Baseado em novela de sucesso dos anos 1990, “VAMP-O MUSICAL”, está em temporada em São Paulo. 
Participam nomes da produção original, como o roteirista Antônio Calmon, o diretor geral Jorge Fernando e os protagonistas Ney Latorraca e Cláudia Ohana. 
Na trilha sonora, canções inéditas. Grande elenco e participação especial de Cláudia Netto.  
Teatro Sérgio Cardoso – Rua Rui Barbosa, 153 – Bela Vista. Sextas, 20h30m; Sábados, 17h e 21h; Domingos 16h30m. Até 29/10.





Denise Fraga está de volta aos palcos paulistanos em “A Visita da Velha Senhora”, do dramaturgo suíço Friedrich Dürrenmatt.
Na trama, uma milionária promete salvar os cidadãos de Güillen, porém, em troca, alguém deve matar o homem por quem ela se apaixonou e que a abandonou grávida. 
No elenco, destaque para Tuca Andrade e Ary França. Direção de Luiz Villaça.
Teatro Sesi – Av. Paulista, 1313. Quinta a domingo, 20h. Até 26/11.